Castelo de Belmonte

Castelo de Belmonte

O Castelo de Belmonte, situado no Norte da Cova da Beira, foi construído no reinado de D. Afonso III, entre o final do Século XII e início do Século XIII, com autorização dada pelo Rei ao Bispo D. Egas Fafes para construir uma torre. No entanto, neste local já existiria um sistema defensivo, que terá sido ordenado construir por D. Sancho I, com o objetivo de consolidar a fronteira oriental do reino, demonstrar a afirmação do poder real e povoamento da região.

A importância do Castelo de Belmonte

Este castelo que se situa no alto do monte e que ocupa aproximadamente 2265 metros quadros, foi recuperado por D. Dinis para defender a fronteira, em que esta sua função apresenta destaque na crise existente após a morte de D. Fernando, pelo que neste espaço combateu-se contra os castelhanos. O Castelo de Belmonte volta também a ter maior importância na sequência da Guerra da Restauração, cumprindo o dever que defesa que lhe era atribuído, sendo que para tal registou-se a construção de baluartes.

Fotografia do exterior do Castelo de Belmonte
Bosc d'Anjou, Wikimedia Commons

Características do Castelo de Belmonte

No Castelo de Belmonte tem destaque a Torre de Menagem, a janela manuelina geminada e o recito amuralhado. No interior do Castelo, a atenção direciona-se para os grandes arcos que suportam o maciço que suporta o piso da residência senhorial. Quanto à Torre de Menagem, esta é a principal estrutura existente no conjunto dos espaços no Castelo, a qual assenta sobre uma sapata e encontra-se do lado Sul, com a função de proteger a entrada principal.

Em 1466, D. Afonso V doou o Castelo de Belmonte a Fernão Cabral I, que efetuou diversas transformações no Castelo e o tornou residência da família Cabral, sendo que estas transformações podem ser observadas por exemplo nas janelas panorâmicas existentes na muralha oeste.

Fotografia de um arco dentro das muralhas do Castelo de Belmonte
Raquel N. Rodrigues, Wikimedia Commons

Atualmente, o Castelo de Belmonte apresenta atividades turísticas e culturais, sendo que para tal foi construído um anfiteatro ao ar livre em 1992 e a Torre de Menagem e a Sala Oitocentista foram adaptadas para espaços museológicos que apresentam a história do Castelo e do Concelho de Belmonte.

Pormenor de uma janela do Castelo de Belmonte
Raquel N. Rodrigues, Wikimedia Commons

Informação Geral

Morada: Largo do Brasil – Castelo de Belmonte, 6250 Belmonte
Horário: Terça-feira a Domingo das 9h00 às 17h30
Website: Câmara Municipal de Belmonte
E-mail: geral@turismodocentro.pt
Telefone: (+351) 275 911 488

Mapa

Cronologia

→ Século VIII e IX: Primeira ocupação contínua da zona
→ 1199: Possível data de construção
→ Século XII e Século XIII: Demolidas casas do interior, povoação desenvolve-se extramuros e construção da torre de menagem
→ 1694: Incêndio no castelo
→ 1751: Construídos baluartes, na sequência da Guerra da Restauração
→ Início do Século XX: Construção junto à entrada funciona como cadeia
→ 1992: Construção de um anfiteatro
→ 1992 a 1994: Realização de escavações, que provam a presença romana

Partilhar

Deixar uma resposta

Fechar